NOTA DE REPÚDIO A DECLARAÇÕES DO MINISTRO DA EDUCAÇÃO E DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA SOBRE AS FACULDADES DE HUMANIDADES, NOMEADAMENTE FILOSOFIA E SOCIOLOGIA

A Associação Nacional de Pós-graduação em Filosofia (ANPOF e Associações) associações abaixo mencionadas repudiam veementemente as falas recentes do atual presidente da república e de seu ministro da educação sobre o ensino e a pesquisa a área de humanidades, especificamente em filosofia e sociologia, por revelarem ignorância sobre os estudos na área, sobre sua relevância, seus custos, seu público e ainda sobre a natureza da universidade. Esta ignorância, relevável no público em geral, é inadmissível em pessoas que ocupam por um tempo determinado funções públicas tão importantes para a formação escolar e universitária, para a pesquisa acadêmica em geral e para o futuro de nosso país.
O ministro Abraham Weintrab afirmou que retirará recursos das faculdades de Filosofia e de Sociologia, que seriam cursos “para pessoas já muito ricas, de elite”, para investir “em faculdades que geram retorno de fato: enfermagem, veterinária, engenharia e medicina”. O ministro apoia sua declaração na informação de que o Japão estaria fazendo um movimento desta natureza. […]

Clique aqui para ler nossa nota na íntegra

Compartilhar
Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Print this pageEmail this to someone

Ler mais

Comunicado Greve Nacional da Educação

Prezados professores e alunos,

“Em virtude da Greve Nacional da Educação, marcada para esta quarta-feira, 15 de maio, informamos que nesta data não haverá em nenhuma disciplina  do Departamento de Filosofia controle de presença, aplicação de provas, bancas e não serão ministrados conteúdos novos. Caso algum professor queira fazer algum exercício, leitura ou discussão com os alunos deverá entrar em contato via SAU.”

Atenciosamente,

Prof. Luiz Camillo Osorio
Diretor do Departamento de Filosofia
Prof. Ludovic Soutif
Coordenador de Pós-Graduação do Departamento de Filosofia
Prof. Edgar de Brito Lyra Netto
Coordenador de Graduação do Departamento de Filosofia
Compartilhar
Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Print this pageEmail this to someone

Ler mais

Pós-Graduação Lato-Sensu

Filosofia Contemporânea

O curso de especialização em Filosofia Contemporânea se dirige aos interessados em discutir filosoficamente temas do mundo contemporâneo, reunidos em quatro áreas: ciência, arte, política e ética (subjetividade). As reflexões filosóficas sobre tais temáticas orientam-se com base no estudo de quatro grandes correntes do pensamento contemporâneo: a Fenomenologia, a Teoria Crítica da Sociedade, a Filosofia Analítica da Linguagem e a Filosofia Francesa Contemporânea.
Mais informações

Arte e Filosofia

A especialização em Arte e Filosofia foi criada com o objetivo de promover maior diálogo entre os que estão, direta ou indiretamente, envolvidos no exercício prático de atividades artísticas e os que teorizam a arte, fazendo uso de noções da razoavelmente recente disciplina da Estética. O programa foi elaborado com vistas a diminuir a distância entre as hoje muito apartadas esferas do “fazer” e do “pensar”, na esperança de que o curso possa ser, tanto para os filósofos quanto para os artistas, um verdadeiro convite ao pensamento. Por essa razão, ao invés de percorrer sistematicamente a história das variadas correntes da Estética, optamos por um currículo de formação menos extenso, de modo a ceder maior espaço a disciplinas que tematizam questões relativas a setores distintos da arte, tais como, por exemplo, a música, a dança, o teatro, a tragédia grega, a literatura, o cinema, a televisão, e as artes visuais em geral.
Mais informações

Filosofia Antiga

O curso de especialização em Filosofia Antiga é voltado para todos aqueles que desejam uma formação mais extensa nessa área. O programa, distribuído em cinco semestres letivos, foi elaborado com a intenção de ser o mais completo possível, abordando desde os mitos gregos até a filosofia helenística. O curso, além disso, visa fazer a conexão entre os pensamentos antigo, moderno e contemporâneo. As visões de Hegel, Nietzsche e Heidegger, bem como as reflexões de comentadores como M. Foucault, T. Adorno, Hannah Arendt, W. Heisenberg, e outros, são estudadas em disciplinas exclusivas.
Mais informações

Compartilhar
Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Print this pageEmail this to someone